Bósons de Higgs ou Partícula de Deus?

Na realidade, essa partícula foi apelidada de “Partícula de Deus”, por ser o início de tudo. A partir dela é que existem outras partículas. Todos nós conhecemos a tabela periódica, não é mesmo? Na física temos uma “tabela periódica” também, que se chama Modelo Padrão. Mas, o que é o Modelo Padrão e do que é composto? O modelo Padrão é composto por partículas elementares. Todo o nosso Universo é composto de três tipos de partículas elementares, aliás, toda a matéria do Universo é composta dessas três partículas elementares: léptons, quarks e mediadoras. Como diz Maria Cristina Abdalla, no livro “O discreto charme das partículas elementares” (e você pode ler o resumo pelo link http://www.sbfisica.org.br/fne/Vol6/Num1/charme.pdf ): “ um punhadinho de 61 delas é o suficiente para construir toda a matéria observada nesse Universo.” Só isso? Parece simples não é? Esse livro conta e ilustra muito bem a história dessas partículas elementares e vale a pena ler na íntegra. Partícula elementar recebe esse nome porque “dentro dela” não existe outra, ela é única. Lembram-se de quando se dizia que o átomo era indivisível? Claro que não lembram, faz muito, muito tempo. Pois é! Hoje sabemos que ele é constituído de prótons, elétrons e nêutrons e dentro deles existem outras partículas. Com exceção do elétron, que é considerada uma partícula elementar e foi a primeira delas a ser descoberta por Thompson, em 1897. Ele, inclusive, ganhou o Nobel por essa descoberta. Então, o elétron é uma partícula mediadora. O nosso Modelo Padrão contém 60 partículas, das quais12 são léptons, 36 quarks e 12 mediadoras. Entre elas existem, assim como as partículas, as antipartículas, iguais, mas com cargas opostas. Mas falta uma que ainda não está no MP, pois ainda não foi encontrada, o famoso Bóson de Higgs. Peter Higgs, em 1964, propôs essa partícula geradora de massa das partículas mediadoras. Mas, na física as coisas têm que ser provadas além das teorias matemáticas, e a prova final é feita através de experimentos. Por causa dessa partícula proposta, foi construído um acelerador especial, lá no CERN (Centro Europeu de Pesquisa Nuclear), chamado Large Hadron Collider e é exatamente o que o LHC está tentando fazer, encontrá-la. Ela é tão importante que foram gastos bilhões de dólares e uma equipe de 3000 físicos estão empenhados em sua busca. Como diz a doutora Maria Cristina Abdalla no seu livro: “o Higgs é uma espécie de rei, atribui massa a tudo que toca”. Se ele for encontrado, explicará muita coisa e a comunidade, principalmente de físicos e cientistas em geral, ficará muito, mas muito contente mesmo. Será que essa busca chegará ao fim? Quem viver verá!

Um filme sobre o livro da doutora M.Cristina Abdalla, pela Tv Cultura e protaqgonizado pelo Marcelo Tas, confiram!

Fonte da imagem:
http://rcristo.files.wordpress.com/2011/12/simulador-do-bozon-de-higgs .jpg?w=600&h=375

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*
*