Dia Mundial da Boa Ação

MONKEYBUSINESS DESENVOLVE APRESENTAÇÃO DO PROJETO “A CORRENTE DO BEM”

Ação, realizada hoje, 28/4, em 30 países, tem o objetivo de incentivar a prática do bem e deve atingir três milhões de pessoas


A MonkeyBusiness, agência de criação, design e planejamento de apresentações, é parceira e responsável pela apresentação do projeto “A Corrente do Bem” –  http://vimeo.com/22977304 – , que ocorre hoje, 28 de abril, no Dia Mundial da Boa Ação, simultaneamente em 30 países, incentivando as pessoas a praticar gentilezas e fazer o bem.

 

Qualquer boa ação é bem vinda e se você quiser replicar essa atitude, no site www.acorrentedobem.org estão disponíveis cartões para imprimir e distribuir, disseminando a ideia da Corrente, criada pelo australiano Blake Beattie e inspirada no livro de mesmo nome de Catherine Ryan Hyde.

 

A meta para este ano é atingir três milhões de pessoas praticando boas ações em todo o mundo.  De acordo com o que prevê o projeto, a dinâmica é simples: cada participante deve fazer três gentilezas e entregar aos beneficiados o cartão da campanha, que, idealmente, farão o mesmo para outras três pessoas, criando assim uma progressão geométrica de gestos de carinho, respeito e altruísmo.

 

Alexandre Franzolim, diretor de criação da MonkeyBusiness e um dos embaixadores do projeto, fala sobre a importância de participar. “O foco desta ação é o coração de cada um. É preocupar-se com o próximo, praticar a gentileza para gerar mais gentileza. Não queremos limitar esta ação para um único dia, mas sim fazer deste dia um marco, incentivando todos a praticar boas ações todos os dias. Fazer o bem, sem ver a quem, com sinceridade, sem esperar nada em troca”, diz.

 

Sugestão de Pauta e fonte:

VOICE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL

 

CONCURSO REALIZE O SEU SONHO

Ajudamos a desenvolver as suas Ideias!

Tem um projeto ou ideia para implementar?

PARTICIPE NO CONCURSO REALIZE O SEU SONHO!
Inscreva-se hoje (em 30 secs) em
www.sonho.org! Prêmios de até 60.000€.

O Concurso Realize o Seu Sonho é uma iniciativa que desafia os Portugueses a transformarem as suas ideias e projetos num conceito de negócio, independentemente da sua formação académica ou idade. Na 1ª Edição tivemos como Juri Independente o Prof. Marcelo Rebelo de Sousa, Prof. António Gomes Mota, Dr. Manuel Forjaz, Dr.ª Vera Pires Coelho e Prof. Tomaz Morais.
Todos os sonhos são válidos, candidate já o seu! As inscrições são gratuitas e até 15 de Maio em www.sonho.org. Demora só 30 segundos! Prémios até 60.000€.
Pode ver aqui o vídeo promocional do Concurso. Como parceiros deste projecto temos, por exemplo, SIC Notícias, Metro Porto, Metro Lisboa, Carris, IBM, Ericsson, Xerox e NYSE Euronext.

A Acredita Portugal é uma organização sem fins lucrativos que tem como missão ‘Desenvolver e reforçar a confiança dos Portugueses e nos Portugueses’ e realizar sonhos empreendedores.Mais informações em www.acreditaportugal.pt ou realizeoseusonho@acreditaportugal.pt.

 

PS: Este Post foi a pedido da organização do evento, e o concurso é voltado ao público português.

UNESP cria fórum aerodesign

A equipe de aerodesign da Unesp de Bauru apareceu com uma grande novidade.

Agora, em seu site, [ www.aerounespbauru.com ] , está disponível um fórum de discussão sobre os assuntos referentes à teoria aeronáutica aplicada aos projetos e alguns outros assuntos referentes à competição, organizada pela Sociedade de Engenheiros da Mobilidade do Brasil (SAE Brasil).

Quem tiver interesse em participar das discussões deve realizar um cadastramento grátis e rápido na página do fórum e depois é só começar a escrever, responder os tópicos, criar novos tópicos, adicionar amigos, enviar mensagens… Tudo voltado ao Aerodesign.

É importante destacar que o fórum é aberto para TODAS AS EQUIPES ou qualquer pessoa interessada no assunto.

Para acessar o site da equipe, CLIQUE AQUI.

Para ver o fórum, ao abrir o site, clique em “FÓRUM FEB AERODESIGN”, ou entre direto pelo endereço www.aerounespbauru.com/forum

Mídias Sociais Reinventando a Comunicação

A pedido do departamento de comunicação da PUC-Rio, o CienTecno divulga:

Na sexta-feira, 8 de outubro, será realizada, na sala 102 K, a palestra “Mídias Sociais Reinventando a Comunicação”.

O encontro começa às 7h30m com a participação de Hugo Godinho, da InPress. Em seguida, às 9h30m, a Diretora de Comunicação da TV Globo, Mônica Albuquerque, fala sobre a relação da TV Globo com as mídias sociais. O evento será transmitido ao vivo pelo Portal PUC-Rio Digital:www.puc-riodigital.com.puc-rio.br.

Marilene Lopes, professora do Departamento Comunicação Social, é responsável pelo evento. Para outras informações: (21) 8515 3617 / e-mail: alice.pesi@hotmail.com

Informações:

Bernardo Stampa

Assessoria de Comunicação Social PUC-Rio

Tel.: (21) 3527-1140 // (21) 9479-1447

imprensa.comunicar@puc-rio.br

Psicologia e Tecnologia: CIÊNCIAS NECESSÁRIAS

Quando se pensa em tecnologia ou gestão de projetos, logo o comum é imaginar engenhocas futuristas e cientistas loucos. Mas a realidade se encontra um tanto quanto longe dessas imaginações fictícias.

A tecnologia vem alcançando, há anos, grande espaço no cenário mundial das empresas de qualquer área. Da mais campestre à mais extraordinariamente digital, as compahias tem se preocupado com equipes de inovação tecnológica, e é nesse contexto que uma ciência menos exata se encaixa: a Psicologia.

É fácil encontrar, nos dias atuais, profissionais se especializando no estudo de comportamentos humanos entre funcionários de empresas e desenvolvedores de projetos. Esse novo quadro tem aberto as portas para curiosidades quanto à liderança e gerenciamento de grupos de projeto.

Uma das áreas estudadas pela psicologia é a relação entre Inteligência e Criatividade. Duas qualidades de grande importância na hora de projetar uma inovação em uma empresa, visto que para isso é necessário o envolvimento de vários profissionais.

– Inteligência: é um potencial inato de uma pessoa, para fazer julgamentos adequados, aproveitar experiências ou para encontrar a maneira adequada de enfrentar os novos problemas ou novas condições de vida. [1]

– Criatividade: é a expressão de um potencial humano de realização, que se manifesta através das atividades humanas e gera produtos na ocorrência de seu processo. [2] Essa expressão capacita a qualidade de produção de um indivíduo.

Indivíduos criativos não são necessariamente inteligentes. A inteligência potencia um indivíduo a realizar ações que o favoreçam ou que sejam capazes de resolver um problema e transformá-lo favorável na dinâmica de desenvolvimento. Já a criatividade disponibiliza um favorecimento direto de forma menos formal. Ou seja, a criatividade aproveita a capacidade de um indivíduo para gerar produções de sucesso, transformando o lixo em luxo.

Um dos maiores exemplos de mentes inteligente e criativas está entre os legendários Steve Jobs, presidente da Apple© e Bill Gates, co-fundador da Microsoft©.

Por anos Jobs e Gates se viram entre competições muito acirradas. Sem se conhecerem passaram a querer desenvolver estruturas computacionais parecidas que na época ainda não existiam.

Nesse contexto, Gates com alguns amigos, em Harvard, resolveram querer entrar na “revolução”, como eles chamavam, e assim resolveram desenvolver um sistema operacional para o computador criado por uma empresa de informática da época.

Do outro lado estava Jobs, em sua garagem com alguns amigos também, estava tentando desenvolver algumas engenhocas computacionais.

Segundo o filme “Piratas do Vale do Silício”, de 1999, Jobs tinha como rival principal a IBM©, e tentava conseguir idéias de outras empresas a partir da manipulação das grandes mentes da Xerox©.

Com o tempo, Steve e Bill se conheceram e decidiram tentar uma parceria entre a Apple© e a Microsoft©. Mas Bill desenvolveu algumas tecnologias parecidas com a da Apple© e assim os dois tiveram conflitos que separaram as empresas definitivamente. Porém, mais tarde, um precisou do outro e Gates pôde então ver a frase que tanto dizia na prática “tente manter seus amigos próximos e seus inimigos mais próximos ainda”.

Steve Jobs é o personagem inteligente e Bill Gates o criativo.

Steve era capaz de julgar e aproveitar oportunidades para transformar os seus problemas em vantagens. Com isso ele conseguiu tirar grandes idéias de seus principais rivais tecnológicos e desenvolver uma grande empresa. Porém se fixou em detalhes que bloquearam alguns avanços, deixando a Apple© atrás da Microsoft©.

Gates conseguiu produzir idéias que revolucionaram a informática. Ele aproveitou conceitos desenvolvidos que se encontravam de forma “congelada” e aqueceu o seu desenvolvimento, criando produtos que até hoje são utilizados no mundo inteiro. Qualificou o processo e conseguiu se tornar o homem mais rico do mundo, durante um tempo.

Esse exemplo apenas serve para comprovar a necessidade do casamento entre inteligência e criatividade. Assim pode-se alcançar muito mais facilmente um objetivo em comum, ou seja, o sucesso. Uma empresa que visa buscar essa idéia, principalmente se for da área de projetos, com certeza alcançará reconhecimentos futuros.

[1]Liderança nas organizações, p. 18, Universidade Presbiteriana Mackenzie, SP.
[2]SAKAMOTO, C. K., Criatividade: uma visão integradora, Psicologia: teoria e prática, Universidade Presbiteriana Mackenzie, 2000, SP.